Edit concept Question Editor Create issue ticket

Rubéola


Apresentação

  • Apresentação O sarampo teve a sua transmissão endêmica interrompida no Brasil desde o ano 2000.[saude.ba.gov.br]
  • Linfonodos são formados basicamente por macrófagos, por células dendríticas, linfócitos B e T, e são responsáveis pela apresentação do antígeno para se dar a resposta imunológica, esta proporciona aumento dos linfonodos.[pt.wikipedia.org]
Cefaleia
  • Nas crianças geralmente não há pródromos, mas em adolescentes e adultos, cerca de um a cinco dias antes do início do exantema, observa-se febre baixa, tosse, coriza, cefaléia, mal estar e linfadenopatia.[periodicos.ses.sp.bvs.br]
Febre
  • A rubéola causa uma erupção cutânea rosa, fina, típica e febre. Os adultos podem experimentar sintomas mais graves do que as crianças. Não há tratamento específico para a rubéola e a febre deve ser tratada com paracetamol ou ibuprofeno.[ada.com]
  • A doença tem um período de incubação geralmente de 10 dias (variando de 7 a 18 dias), desde a data da exposição até o aparecimento da febre, e cerca de 14 dias até o início do exantema.[saude.ba.gov.br]
  • Após esse período, começam a surgir os primeiros sinais e sintomas: febre baixa, nódulos no pescoço e atrás da orelha, manchas rosadas que aparecem primeiro no rosto e depois se espalham pelo corpo.[medicoresponde.com.br]
  • Geralmente são utilizados analgésicos comuns para controlar as dores articulares e musculares, e antitérmicos para controlar a febre. É recomendável também fazer repouso durante o período crítico da doença.[mundoeducacao.bol.uol.com.br]
  • Alguns indivíduos podem experimentar uma reacção suave à vacinação, tal como a irritação local no local da injecção, nas baixas dores da febre, do prurido e do músculo.[news-medical.net]
Febre baixa
  • É uma doença benigna caracterizada por uma erupção macular acompanhada por febre baixa, dores articulares, faringite e adenopatias cervicais. A infeção pode ser em alguns casos assintomática contudo torna-se grave quando ocorre durante a gravidez.[www2.insa.pt]
  • Os trabalhadores do navio começaram a apresentar no sábado, 16, sintomas da doença: febre baixa, nódulos no pescoço e nas proximidades da orelha, quando a embarcação estava em Santos.[gazetadopovo.com.br]
  • O quadro clínico tem instalação aguda, é caracterizado por febre baixa e lesões na pele, que se apresentam como manchas avermelhadas, às vezes, violáceas, que se inicia na face e pescoço, espalhando-se para o tronco e membros, em alguns casos, acompanhadas[crmpb.org.br]
  • Entre os sintomas da rubéola, podemos destacar: – febre baixa; – surgimento de manchas avermelhadas rosadas espalhadas pelo corpo, que surgem inicialmente no rosto e depois se espalham; – dor de cabeça; – coriza e nariz entupido; – dor ao engolir; – olhos[rededorsaoluiz.com.br]
Mal-estar
  • […] rosto e depois se espalham; – dor de cabeça; – coriza e nariz entupido; – dor ao engolir; – olhos avermelhados e inflamados; – nódulos e gânglios linfáticos inchados na região da nuca, pescoço e atrás das orelhas; – dor muscular e nas articulações; e – mal-estar[rededorsaoluiz.com.br]
  • Ela pode provocar febre baixa, aumento dos gânglios na orelha e pescoço, dores de cabeça, mal-estar, coriza, dores de garganta, dores nas articulações e náuseas.[alunosonline.uol.com.br]
  • A sintomatologia desta doença caracteriza-se por: Mal-estar geral. Tosse. Febre. Corrimento nasal. Gânglios inflamados (na zona do pescoço e nuca). Vermelhidão e erupções cutâneas (pescoço, tronco e membros). Olhos e garganta inflamados.[advancecare.pt]
Linfadenopatia
  • O doente apresenta febre baixa, exantema, linfadenopatia, principalmente suboccipital, pós-auricular e cervical posterior (região do pescoço).[cevs.rs.gov.br]
  • Quando sintomрtica, a rubжol a causa tipicamente febre, linfadenopatia e "rash" maculopapular.[labhpardini.com.br]
  • É transmitida através de secreções respiratórias e embora não produza manifestações clínicas percetíveis em 25% a 50% dos casos, quando sintomática caracteriza-se por uma ligeira erupção maculopapular, associada frequentemente a febre baixa, linfadenopatia[eg.uc.pt]
  • Apresenta febre baixa e linfadenopatia generalizada, principalmente subocciptal, pós-auricular e cervical posterior, geralmente precedendo o exantema, em 5 a 10 dias.[saude.pr.gov.br]
  • Linfadenopatia é uma condição em que os nódulos linfáticos ficam com tamanho, consistência ou número anormais, geralmente inchaço.[pt.wikipedia.org]
Linfadenopatia generalizada
  • Apresenta febre baixa e linfadenopatia generalizada, principalmente subocciptal, pós-auricular e cervical posterior, geralmente precedendo o exantema, em 5 a 10 dias.[saude.pr.gov.br]
  • ASPECTOS CL NICOS Em crianуas, hр uma linfadenopatia generalizada com predominРncia nas regiшes cervical posterior, suboccipital e auricular posterior.[labhpardini.com.br]
  • AIDS pode–se apresentar inicialmente com linfadenopatia generalizada persistente em aproximadamente 50% dos casos.[pt.wikipedia.org]
Artralgia
  • Adolescentes e adultos podem apresentar dores generalizadas (artralgias e mialgias), conjuntivite, coriza e tosse.[cevs.rs.gov.br]
Erupções
  • Entretanto, na maioria das crianças, o primeiro sinal é a erupção cutânea característica. A erupção cutânea da rubéola é similar à erupção cutânea causada pelo sarampo, mas não é tão abrangente e não se funde formando grandes áreas vermelhas.[msdmanuals.com]
  • […] gânglios palpáveis e dolorosos na zona posterior da cabeça e nuca, e que podem surgir antes das erupções na pele.[sns24.gov.pt]
  • Uma erupção de pequenas manchas rosadas. Geralmente começa atrás das orelhas, depois se espalha por todo o corpo. A erupção muda quase de hora em hora e desaparece em dois ou três dias sem tratamento.[doctoralia.com.br]
  • O período de contágio inicia-se uma semana antes do aparecimento da primeira erupção cutânea e pode prolongar-se por duas semanas após o seu desaparecimento.[advancecare.pt]
  • Sintomas O sintoma típico é uma fina erupção cutânea rosa, que começa no rosto e se espalha ao longo do tronco e membros. Muitas pessoas também apresentam os nódulos linfáticos inchados no rosto e pescoço e uma febre leve.[ada.com]
Exantema
  • […] pontos brancos na mucosa bucal, antecedendo o exantema).[saude.ba.gov.br]
  • O período da coleta do material deve ser até o 5º dia do aparecimento do exantema, (preferencialmente nos três primeiros dias do inicio do exantema). Tratamento - De suporte.[saude.pr.gov.br]
  • O doente apresenta febre baixa, exantema, linfadenopatia, principalmente suboccipital, pós-auricular e cervical posterior (região do pescoço).[cevs.rs.gov.br]
  • O risco de contágio é maior durante o período de exantema cutâneo. A rubéola ocorre apenas uma vez na vida.[mundoeducacao.bol.uol.com.br]
  • O período de transmissibilidade é de cinco a sete dias antes e depois do início do exantema. A maior transmissibilidade ocorre dois dias antes e depois do início do exantema.[infectologia.org.br]
Urticária
  • […] e eritema Urticária ( Urticária dermatográfica, Urticária colinérgica ) - Eritema ( Eritema multiforme, Síndrome de Stevens-Johnson, Necrólise epidérmica tóxica, Eritema nodoso, Eritema anular centrífugo, Eritema marginado ) Doenças relacionadas à radiação[pt.wikipedia.org]

Exames clínicos

  • Diagnóstico O diagnóstico se baseia geralmente nos sintomas e exame clínico. É possível fazer um exame de sangue para pesquisar evidências de uma infecção recente de rubéola, embora isto em geral não seja necessário.[ada.com]

Tratamento

  • Tratamento Não há tratamento específico para a rubéola. Pode ser útil tomar paracetamol ou ibuprofeno para aliviar dores de cabeça ou febre. Prevenção A rubéola pode ser evitada por vacina.[ada.com]
  • Tratamento e Cuidados Tratamento de Rubéola Não há tratamento disponível para interromper a infecção por rubéola, mas os sintomas são tão leves que o tratamento não costuma ser necessário.[minhavida.com.br]
  • Os sintomas da rubéola quase nunca são tão graves ao ponto de requerer tratamento. Uma infecção no ouvido médio pode ser tratada com antibióticos, mas nenhum tratamento pode curar a encefalite.[passeiweb.com]
  • Tratamento da Rubéola O diagnóstico da rubéola pode ser obtido através de análise ao sangue. É uma doença que se manifesta de forma ligeira no organismo, não requerendo tratamento específico além do alívio dos sintomas.[advancecare.pt]
  • Tratamento O tratamento é sintomático. Antitérmicos e analgésicos ajudam a diminuir o desconforto, aliviar as dores de cabeça e do corpo e baixar a febre.[prefeitura.sp.gov.br]

Prognóstico

  • Visão geral Riscos Sintomas Diagnóstico Tratamento Prevenção Prognóstico Visão geral A rubéola é uma infecção viral também conhecida como sarampo alemão. Ela afeta mais comumente as crianças.[ada.com]
  • Convivendo (prognóstico) Convivendo/ Prognóstico Como o tratamento muitas vezes não é necessário, medidas caseiras bastam para a recuperação. Algumas medidas podem ajudar a acelerar o processo, veja: NÃO PARE AGORA...[minhavida.com.br]

Etiologia

  • É uma doença exantemática aguda, de etiologia viral, que apresenta alta contagiosidade, acometendo principalmente crianças.[dive.sc.gov.br]
  • A rubéola é uma doença exantemática benigna de etiologia viral de alta contagiosidade, acometendo principalmente crianças.[saude.ba.gov.br]
  • A etiologia das adenopatias é múltipla; seu diagnóstico é orientado de acordo com a topografia, a extensão e os caracteres clínicos.[pt.wikipedia.org]

Epidemiologia

  • Nesta monografia foram abordados os aspetos mais característicos e relevantes relativos à epidemiologia e patogenicidade do vírus da rubéola, as implicações da infeção pós-natal, inclusive durante a gestação e da infeção congénita, as técnicas utilizadas[eg.uc.pt]
  • EPIDEMIOLOGIA As epidemias de rubжola ocorrem em ciclos de 6 a 10 anos, no inverno e na primavera, envolvendo crianуas em idade escolar atж 9 anos, crianуas mais velhas e adolescentes apзs vacinaусo.[labhpardini.com.br]
  • Nesse mesmo ano, o Centro Nacional de Epidemiologia do MS implementou o Grupo Tarefa, investindo em recursos humanos financiado pela OPAS, seguindo com experiências de campanhas de vacinação em massa, capacitação de pessoal, monitoramento e investigação[scielo.iec.gov.br]
Distribuição por sexo
Distribuição por idade

Prevenção

  • As consequências nefastas da Rubéola congénita impõem que a prevenção seja a atitude mais importante a ter: Não existe tratamento eficaz para a Rubéola, pelo que a prevenção é bastante importante.[lifestyle.sapo.pt]
  • Visão geral Riscos Sintomas Diagnóstico Tratamento Prevenção Prognóstico Visão geral A rubéola é uma infecção viral também conhecida como sarampo alemão. Ela afeta mais comumente as crianças.[ada.com]
  • A vacina tríplice viral (que protege contra sarampo, caxumba e rubéola) é medida de prevenção eficaz contra a rubéola.[infectologia.org.br]
  • Para te deixar mais confortável, o médico pode te dar: Paracetamol (Tylenol) Prevenção A vacina contra a rubéola é geralmente administrada como uma vacina combinada. Chama-se vacina MMR. Protege contra sarampo, caxumba e rubéola.[hospitalinfantilsabara.org.br]
  • Prevenção Prevenção Vacinação é o meio mais seguro e eficaz de se prevenir rubéola. A vacina da rubéola é recomendada para todas as crianças.[minhavida.com.br]

Perguntar

5000 Caracteres restantes Formate o texto usando: # Cabeçalho, **negrito**, _itálico_. Código HTML não é permitido.
Ao publicar esta pergunta, concorda com os Termos de Uso e a Política de Privacidade.
• Use um título preciso para a sua pergunta.
• Faça uma pergunta específica e forneça idade, sexo, sintomas, tipo e duração do tratamento.
• Respeite a sua própria privacidade e a de outras pessoas. Nunca publique nomes completos ou informações de contacto.
• Perguntas inapropriadas serão excluídas.
• Em casos urgentes, entre em contacto com um médico, visite um hospital ou ligue para um serviço de emergência!