Edit concept Question Editor Create issue ticket

Eritema crónico migratório 


Apresentação

  • Doença de Lyme: Apresentação de um caso com demonstração de Borrelia. In: Congresso Brasileiro Dermatologia, resumos do 48º, 1993, Curitiba. [ Links ] 9. Cregh TM, Wright NA, Mckee PH. Inflammatory dermatoses. Erythema chronicum migrans.[scielo.br]
Fadiga
  • Os sintomas da doença de Lyme variam de uma pessoa a outra, mas os outros distúrbios relatados são febre, muita fadiga, erupção cutânea, problemas cardíacos ou reumatológicos (artrite).[gentside.com.br]
Eritema
  • […] marginatum ( figuratum ); reação à picada de insetos e eritema anular centrífugo, 2 que apresentam algumas alterações capazes de diferenciar do ECM, tais como: no eritema figuratum e no eritema anular centrífugo não há plasmócitos, eosinófilos e/ou envolvimento[scielo.br]
  • Na primeira fase, entre três e trinta dias após a picada, uma placa vermelha chamada de eritema crônico migratório (ECM) aparece ao redor do local da mordida.[gentside.com.br]

Tratamento

  • Tratamento da doença de Lyme O tratamento da doença de Lyme é feito com antibióticos por via oral. Vários antibióticos são eficazes contra a batéria Borrelia.[gentside.com.br]

Epidemiologia

  • Congresso de Dermatologia, em Curitiba, um caso de demonstração da Borrelia sp em paciente de seis anos, residente no Estado do Rio de Janeiro. 8 No Estado do Amazonas os três primeiros casos da doença foram relatados por Talhari et al . (1987), por meio da epidemiologia[scielo.br]
Distribuição por sexo
Distribuição por idade

Prevenção

  • Prevenção da doença de Lyme Infelizmente, não existe uma vacina eficaz contra a doença de Lyme. Portanto, o melhor meio de preveni-la é adotar medidas de segurança para evitar mordidas de carrapato.[gentside.com.br]

Perguntar

5000 Caracteres restantes Formate o texto usando: # Cabeçalho, **negrito**, _itálico_. Código HTML não é permitido.
Ao publicar esta pergunta, concorda com os Termos de Uso e a Política de Privacidade.
• Use um título preciso para a sua pergunta.
• Faça uma pergunta específica e forneça idade, sexo, sintomas, tipo e duração do tratamento.
• Respeite a sua própria privacidade e a de outras pessoas. Nunca publique nomes completos ou informações de contacto.
• Perguntas inapropriadas serão excluídas.
• Em casos urgentes, entre em contacto com um médico, visite um hospital ou ligue para um serviço de emergência!